Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

No comando: SERTANEJO GOSPEL

Das 07:00 as 08:00

No comando: JORNAL VIROU NOTICIAS

Das 09:00 as 10:00

geracao-gospel2
No comando: Geração Gospel

Das 09:00 as 11:00

No comando: Estação Gospel

Das 10:00 as 11:00

No comando: Entendendo a Bíblia

Das 11:00 as 11:25

No comando: Na Contramão

Das 11:30 as 11:55

No comando: Matando Saudade

Das 11:55 as 12:55

No comando: Top Gospel

Das 13:00 as 14:00

No comando: Encontro Gospel

Das 14:00 as 15:00

No comando: Caminhos da Verdade

Das 16:00 as 16:30

No comando: 180 Graus

Das 16:30 as 16:55

No comando: Louve e Adore

Das 20:00 as 21:45

No comando: Gospel Night

Das 23:00 as 23:30

Justiça ordena que Feliciano tire do ar vídeo em que critica a Globo

Compartilhe:
O parlamentar acredita que a Rede Globo esteja usando a mãe do cantor Cazuza para persegui-lo

Na manhã desta sexta-feira, 10, o site do jornal O Globo, noticiou que a “Justiça manda Feliciano tirar do ar vídeo em que usa imagem e frase de Cazuza”.

Segundo a reportagem, a juíza Maria Cecilia Pinto Gonçalves, da 52ª Vara Cível do Rio, determinou que o pastor e deputado Marco Feliciano tire do ar um vídeo em que usa imagem e frase de Cazuza (“Transformam o país inteiro num puteiro/Pois assim se ganha mais dinheiro”).

O pedido teria sido feito por Lucinha Araújo, mãe de Cazuza. Ela estaria alegando que o deputado Marco Feliciano, além de não ter autorização para uso da imagem, distorceu o contexto da música. Em caso de descumprimento, a multa pode chegar a R$ 200 mil.

A verdade – Rede Globo quer censurar o Deputado pastor Marco Feliciano

Na verdade, o vídeo de Marco Feliciano está sendo alvo da rede Globo, pois o parlamentar religioso neste vídeo (assista aqui)faz graves denúncias contra a emissora carioca, que segundo ele estaria promovendo “cursos para bandidos” em sua programação.

Em determinado momento no vídeo, Feliciano cita uma conhecida frase do cantor Cazuza, que resumiria a situação do país. A canção “O Tempo não para”, foi lançado quando o cantor tinha um contrato com a gravadora Som Livre, que pertence ao grupo Globo, por isso Marco Feliciano acredita que a emissora está usando a mãe do cantor para atingi-lo.

Em resposta aos ataques que vem sofrendo pela Globo, Feliciano publicou em suas páginas nas redes sociais na tarde desta sexta-feira, uma nova versão do vídeo em que “desmascara a TV Globo”, “Vamos dar o troco nesses cerceadores da liberdade”, disparou o parlamentar, que lembrou a todos que a primeira versão do vídeo alcançou a marca de 7 milhões de visualizações.

“Eu não entendo, a justiça diz que colocar uma criança em frente de quadros que mostram pedofilia e zoofilia é arte… e não pode ser censurado. Eu citar a frase de um artista brasileiro isso é crime e pode ser censurado”, lamentou Feliciano.

Feliciano ressalta que embora tenha imunidade parlamentar de fala, direito garantido pela Constituição, a estratégia da Globo é separar o cidadão do político neste processo.

Fonte : Portal Padom

Deixe seu comentário: